Meias de compressão: Como funcionam, quais os tipos e benefícios?

As meias de compressão são muito indicadas no tratamento de diversas condições clínicas e estéticas, e possuem um papel importante na recuperação do pacientes em casos de má circulação, cirurgia e outros.

Saiba mais sobre as meias de compressão, como funcionam, quais os tipos e benefícios do seu uso, aqui neste artigo.

Meias de compressão

As meias de compressão são encontradas em loja de equipamentos médicos, tanto físicas como online, no entanto, algumas delas exigem a receita, devido a condições do tratamento de saúde.

As  meias de compressão  são utilizadas como um tratamento ideal para varizes e outras condições médicas como a recuperação cirúrgica, úlceras, entre outros, mas também servem para evitar possíveis rupturas musculares. Portanto, elas não são recomendadas apenas para tratamentos de enfermidades, mas também atletas e praticantes de atividades físicas. 

Como funcionam as meias de compressão

As meias de compressão reduzem o diâmetro das veias das pernas. Graças ao reforço que promove às veias, o sistema valvular venoso funciona novamente e o sangue não é mais retido, melhorando a circulação. 

Isso reduz ou até impede o aparecimento de estrias, ruptura das veias e varizes. A distribuição programada da pressão de acordo com as necessidades médicas (diminuindo do peito do pé para a coxa) acelera o fluxo de retorno do sangue venoso para o coração. Isso minimiza o risco de coágulos sanguíneos e embolias. 

A melhora do metabolismo também tem um efeito positivo nas úlceras e a pressão externa reduz o fluxo de líquido dos tecidos. É assim que a meia age contra a formação de edema.

Contraindicação das meias de compressão

Antes de colocar as meias de compressão, informe o seu médico, porque a terapia de compressão também tem contra-indicações. 

Entre elas: insuficiência arterial avançada, distúrbios graves da função cardíaca, dermatopatias úmidas, distúrbios graves da função nervosa dos braços e pernas. No caso de poliartrite crônica primária, o médico também deve decidir sobre a possível terapia.

Tipos de meias de compressão

Existem 4 tipos de compactação, que são aplicados dependendo da gravidade da condição. Eles diferem na pressão que exercem nas veias. O médico é o único que pode decidir que tipo de compressão você precisa.

Leve compressão

Adequada para pernas com retenção de líquido e cansadas, pode ser usada no dia a dia e por atletas. Indicada em casos de leve formação de varizes ou fase inicial e leve inchaço. 

Para evitar o aparecimento de varizes, por exemplo, pode ser usada durante a gravidez ou após operação.

Compressão média

É utilizado, por exemplo, quando existem varizes marcadas, pernas frequentemente inchadas, inchaço após trombose (obstrução venosa), pequenas úlceras já curadas, inflamações importantes durante a gravidez, após um tratamento ou operações de esclerose, após inflamações venosas superficiais.

Compressão intensa

Usada em casos de fraqueza venosa crônica (permanente), trombose (obstrução venosa), endurecimento da pele e cicatrização de úlceras nas pernas.

Compressão para condições graves

Para condições clínicas mais graves do que as mencionadas acima, e para linfedemas e lipoedemas. (Para os linfedemas, as chamadas meias planas de malha com costuras são as mais indicadas).

Benefícios das meias de compressão

As  meias de compressão  para varizes exercem uma ligeira pressão e o sangue começa a fluir para cima, impedindo-a de formar coágulos e inchaço. As meias de compressão não são desconfortáveis ​​e são recomendadas para homens e mulheres. 

Existem diferentes  tipos de meias de compressão do tornozelo, através do joelho, na virilha e outros. Estes são os benefícios de usar  meias de compressão:

Impede o aparecimento de varizes

Varizes além de ser um problema estético são sinônimos de problemas circulatórios. Eles se formam quando o sangue não circula normalmente pelo corpo. As meias de compressão impedem a formação de varizes, pois agem exercendo uma pressão suave que favorece a circulação sanguínea.

Aumenta a circulação

Esta é uma das principais características das meias de compressão, a circulação é aumentada devido à gravidade que exercem no sangue.

Auxilia na prática de exercícios

Eles são recomendados no exercício, pois além de promover o fluxo sanguíneo, retêm o calor e evitam possíveis rupturas musculares.

Proteção contra rupturas e atritos

Eles podem ser muito benéficos no caso de uma ruptura fibrilar, graças ao calor e ao apoio que concedem.

Protege a pele do atrito, para evitar o aparecimento de possíveis úlceras.

Ajuda na recuperação pós-cirúrgica

Em cirurgias relacionadas a problemas de circulação, como a remoção de varizes, as meias de compressão auxilia a promover uma melhor circulação, evitar êmbolos e coágulos, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *